04 julho 2014

2º Encontro de Jurema na Cidade Areia Branca RN - 03-07-2014 (A Casa de Jurema Mestra Maria da Luz, ligado a Casa de Cultura de Matriz Africana Ilê Asé Dajó Ìyá Omy )

Onde na feita foi homenageado vários Juremeirós da nossa cidade, entre eles
O Babalorixá Antônio Cruz, Mãe de Santo Maria de Pinheiro, Mãe de Santo Francisca Edvirgens, Pai de Santo Pedro Medeiros (in memória) Pai de santo José Jaime (in memória) e outros da nossa cidade,
Onde si fez presente a Yalorixá Lucia Helena e seu esposo mestre José Dequias abrilhantado o nosso 2º encontro de Jurema,

e os demais membro deste evento,

O Babalorixá Noamã Pinheiro

A Mãe de Santo Francelina Cruz

A Mãe de Santo Kathia Cruz

Onde eles citado a cima fizeram suas homenagens os Juremeiros da nossa cidade.





























 Pai de santo Pedro Medeiro foi homenageado (em memoria)

 Dois Mestres
Mestre Pedro e Zé do Zé que foram foi homenageado (em memoria)

Yalorixá Maria de Pinheiro homenageada  

Babalorixá Antonio Cruz foi homenageado

Pai de santo José Jaime Rolim (em memoria)


Areia Branca 03-07-2014

AO NOSSO MESTRE COM AMOR

Hoje o dia amanheceu maravilhoso é o dia que o nosso mestre será mais uma vez homenageado, não existem palavras capazes de descrever a importância de um ser humano tão maravilhoso; como pai, esposo, amigo, educador, historiador, politico, zelador do orixá entre outras coisas. 

José Jaime foi é e sempre será uma pessoa muito especial, uma partícula energética que veio para semear espiritualidade entre nós, somando várias energias em uma missão. Agora com outras possibilidades de ajudar muitos espíritos a encontrarem o caminho da luz.

Nosso mestre conhecia muito do plano astral, pois lia frequentemente, fazia desdobramento espiritual e viagens astrais. Conhecedor do evangelho de Kardec, da antiga e mística ordem ROSA CRUZ, profundo conhecedor da umbanda sagrada, do misticismo e esoterismo. Todas as teorias que ele absorveu nas suas buscas fizeram dele grande conhecedor dos mistérios da espiritualidade. Dominava as rezas e curas os passes mediúnicos.

Dentro da nossa UMBANDA ele conhecia os mistérios dos EXUS, MESTRE, CABOCLOS, PRETOS VELHOS, POVO CIGANO E DO ENCANTO, MESTRES JUREMEIROS. Sua trajetória foi iluminada aqui na terra plano de sofrimento e expiações como ele chamava o nosso planeta. Durante sua estadia na terra ele prestava caridades ajudando quem precisava de sua orientação. Nunca gostou de ser chamado de pai de santo e sim zelador do orixá. Dentre muitos mestres da sua corrente mediúnica se destacava ZÉ PELINTRA, CIBAMBA, mas ele tinha um xodó especial pela linha do maranhão que alguns diziam não existir ter sido inventada por ele.

Lembro sempre de uma frase que o mestre citava “ a nossa matéria é apenas um involucro que um dia vai se deteriorar mais as boas atitudes elevara o espirito. Caçulinha tinha um espirito de criança e dizia que chegaria aos cem anos dando sua gostosa gargalhada na calçada da alegria. Mas como ninguém foge dos desígnios divinos nosso mestre foi chamado para cumprir a sua missão no plano astral pois aqui ela já tinha sido prontamente cumprida. Hoje sentimos muita saudade mais dói menos, nos últimos tempos ele se despediu constantemente de nós só que ninguém entendeu ou fez questão de tapar os olhos. Mesmo depois de tanto tempo sentimos a sua presença espiritual para nos orientar e assim darmos continuidade aos seus trabalhos.

Que a semente plantada pelo mestre José Jaime cresça floresça e faça nascerem novos frutos para toda eternidade.

CASA DE UMBANDA PAI JOSÉ DE ARUANDA.
foi homenageado pela Mãe de santo Kathia Cruz



Agradecer ao Blog http://vozdeareiabranca.com.br/ do nosso amigo Carlos J.


Reações:

Um comentário:

  1. Coisa linda ver o povo da Jurema se mobilizando de Brasil a fora. Os juremeiros e juremeiras de Areia Branca também estão se movimentando e promovendo suas atividades entorno da nossa religião de Matriz Indígena. Coisa linda. Salve a fumaça!!!! Parabéns a todos vocês!!!
    José Aruanda, parabéns. Salve a fumaça!!!!!!

    Alexandre L'Omi L'Odò

    ResponderExcluir

Oração a Pai Xangó

Juntos Somos Mais Forte!

Alguns textos, poemas e fotos foram retirados de variados
sites, caso alguém reconheça algo como sua criação e não
tenha sido dado os devidos créditos entre em contato.
''A intenção deste blog não é de plágio, mas sim de espalhar conhecimento e manter viva a nossa historia"

Ass: Mariano de Xangó
mariano_xango@yahoo.com

O QUE SÃO OGÃNS?

O QUE SÃO OGÃNS?
Ser Ogam é muito mais do que ser aquela pessoa no fundo do Terreiro, tocando pontos para as entidades, médiuns e assistentes. Ser Ogam é participar de forma efetiva e consciente nos trabalhos. Isso exige conhecimento, humildade, concentração, responsabilidade, mediunidade e amor. O Ogam é o responsável pelo canto, pelo toque, pela sustentação, pela parte física e equilíbrio harmônico dos rituais. Diferente do que muita gente pensa, um Ogam pode incorporar, porém, a sua mediunidade manifesta-se normalmente, de forma diferente do restante do corpo mediúnico. Manifesta, principalmente, através da intuição, das suas mãos, braços e cordas vocais. Os atabaques, quando devidamente consagrados e ativados pelos Ogãns, são verdadeiros instrumentos de auxílio espiritual, pois são capazes de canalizar, concentrar e irradiar energias que tanto podem ser movimentadas pelo próprio Ogam como pelas entidades de trabalho para os mais diversos fins