27 novembro 2013

AO CABOCLO SETE FLECHAS

Salve, Deus Pai, criador de todo universo Salve São Sebastião, rei da mata e chefe de todos os caboclos Salve Pai Sete Flechas e sua falange guerreira!

PAI NOSSO DA UMBANDA


PAI NOSSO QUE ESTAIS NOS CÉUS, 
NAS MATAS, NOS MARES E EM TODOS 
OS MUNDOS HABITADOS.
SANTIFICADO SEJA O TEU NOME, 
PELOS TEUS FILHOS, PELA NATUREZA, 
PELAS ÁGUAS, PELA LUZ E PELO AR 
QUE RESPIRAMOS.
QUE O TEU REINO, REINO DO BEM, 
DO AMOR E DA FRATERNIDADE, 
NOS UNA À TODOS E A TUDO QUE 
CRIASTES, EM TORNO DA SAGRADA 
CRUZ, AOS PÉS DO DIVINO SALVADOR 
E REDENTOR.
QUE A TUA VONTADE NOS 
CONDUZA SEMPRE PARA O CULTO DO 
AMOR E DA CARIDADE.
DAI-NOS HOJE E SEMPRE A 
VONTADE FIRME PARA SERMOS 
VIRTUOSOS E ÚTEIS AOS NOSSOS 
SEMELHANTES.
DAI-NOS HOJE O PÃO DO CORPO, 
O FRUTO DAS MATAS E A ÁGUA 
DAS FONTES PARA O NOSSO SUSTENTO 
MATERIAL E ESPIRITUAL.
PERDOA, SE MERECERMOS, 
AS NOSSAS FALTAS E DÁ O SUBLIME 
SENTIMENTO DO PERDÃO PARA OS 
QUE NOS OFENDAM.
NÃO NOS DEIXEIS SUCUMBIR, 
ANTE A LUTA, DISSABORES, INGRATIDÕES, 
TENTAÇÕES DOS MAUS ESPÍRITOS E 
ILUSÕES PECAMINOSAS DA MATÉRIA.
ENVIAI-NOS, PAI, UM RAIO DE 
TUA DIVINA COMPLACÊNCIA, LUZ E 
MISERICÓRDIA PARA OS TEUS FILHOS 
PECADORES QUE AQUI HABITAM, 
PELO BEM DA HUMANIDADE, ASSIM SEJA, UMBANDA!

21 novembro 2013

Ilê Axé Dajô Iya Omi Sabá/Areia Branca-RN....

Hoje no IFRN, em Apodi, mesa redonda "O legado religioso afro-brasileiro". Muito proveitoso! Mais tarde, na UERN, V Colóquio sobre Questões Étnicas no Nordeste Brasileiro.

"é a família Ogodô nas lutas sociais porque essa ciranda é de todos nós!"

 O babalorixá Noamã 
 



DIA DA CONCIENCIA NEGRA - Teatro Dix-Huit Rosado em Mossoró

A unica coisa que poderei dizer sobre esse dia e que gostei muito e espero que a cada ano melhore cada vez mas.








Muito Axé pra todos

20 novembro 2013


“As estatísticas dão conta de que, no Brasil, a vítima preferencial da violência é o homem negro, pobre e de periferia”, a declaração foi dada pelo deputado federal Jean Wyllys (PSOL-RJ), durante a abertura do Novembro Negro, no debate Racismo à Brasileira: “Igualdade na cor, essa é a minha verdade”, realizado no último dia 1º, no Ministério Público da Bahia. Com o objetivo de abordar questões sobre o racismo que afeta parte dos 50,7% da população brasileira negra ou parda, segundo dados do IBGE de 2010, o evento contou com a participação de figuras políticas, como Lidivaldo Britto, Promotor de Combate ao Racismo no Brasil, Cláudio Abdala, Subsecretário Municipal de Reparação, e Helena Silva, representante da Unicef na Bahia e Sergipe.

“Os negros, em Salvador e no Recôncavo Baiano, estão a maioria nos presídios, nos hospitais psiquiátricos e no mercado informal e não conseguem mobilidade social. Os índices de analfabetismo são enormes nesta população, assim como o número de mortes por conta da polícia”, afirmou Wyllys em entrevista exclusiva à jornalista Emanuele Pereira, da agência Brava Comunicação Inteligente, realizada após evento. Segundo os dados do IBGE de 2010, a taxa de analfabetismo entre pessoas pretas ou pardas acima de 14 anos é de 27,4%, contra 5,9% dos brancos.
Sentindo na pele
“Hoje, a grande questão é a barreira da ascensão social, as condições de vida do negro, o sistema público que lhe é oferecido. Este é o racismo mais perverso na nossa sociedade e estamos há mais de 120 anos da Abolição da Escravatura”, declarou Lindivaldo Brito. Para o promotor, o Brasil demorou a criar leis de punição ao racismo: “Desde 1888, ano da Abolição da Escravatura, até a Constituição de 1988, são 100 anos. Só a partir daí é que o racismo passou a ser considerado crime na Constituição Federal. É um crime inafiançável”, afirmou.
Para Cláudio Abdala, o que o Brasil precisa, em especial a Bahia, é de oportunidade para os negros, população que, segundo ele, corresponde a 79,84% do estado baiano. “Não queremos privilégios. Nós queremos justiça, porque competência para vencer na vida todos nós, negros, possuímos e, como a pobreza em Salvador tem cor, nós somos resilientes”, enfatizou Helena Silva, que encerrou o evento falando sobre o racismo entre crianças e adolescentes.
Para acompanhar a entrevista exclusiva com deputado federal Jean Wyllys, concedida à Brava Comunicação Inteligente, acesse: www.bravainteligente.com.br
Fonte: Brava Comunicação Inteligente

Semana da Consciência Negra


Em Mossoró-RN, participo da Semana da Consciência Negra, evento promovido pelo Núcleo de Estudos Afro-Brasileiros da Universidade do Estado do Rio Grande do Norte-UERN. Ontém a noite fiz a conferência de abertura. Entre os presentes, alunos do curso de Ciências Sociais, professores, artistas, membros do movimento negro local, religiosos, entre os quais Babá Melque (Natal) e Babá Francisco (Mossoró). 

A programação continua durante a semana com palestras e oficinas. Uma das oficinas será coordenada pelo Babá Melque.

Hoje, as 17 horas, acontece a Louvação Baobá, um encontro em praça pública, no centro da cidade, que reune religiosos e representações das comunidades de terreiro da região, principalmente Mossoró e Areia Branca, além de militantes e demais interessados na temática. 

  

13 novembro 2013

Todas orações a São Jorge


Oração poderosa a São Jorge




Oração I
Ó Deus onipotente, que nos protegeis elos méritos e as bênçãos Dde São Jorge, fazei que este grande mártir, com sua couraça, sua espada, e seu escudo; que representam a fé, a esperança, e a caridade; ilumine os nossos caminhos e fortaleça o nosso ânimo nas lutas da vida. Dê firmeza à nossa vontade contra as tramas do maligno, para que, vencendo na terra, como São Jorge venceu, possamos triunfar no céu convosco, e participar Das eternas alegrias. Amém!


Oração II
São Jorge, também invocado como padroeiro dos escoteiros e de tantas nações, não nos importamos se muitos dizem-no ser uma lenda, por derrotares um dragão. Não importa que este dragão seja real, mas o que derrotastes é o que precisamos todos derrotar: o Inimigo que nos cerva para impedir as graças que Deus nos deseja tanto dar e arrastar-nos com ele aos abismos. Glorioso são Jorge, jovem são Jorge, não foi por pouco que fostes declarastes santo e padroeiro de tantas cidades que vos prestam veneração. Pelo-Vos que intercedais por mim para que alcance de Deus a mesma convicta fé, principalmente nos momentos mais difíceis que devo passar. Que nada me amedronte. Sede meu intercessor e que vossa espada esmagai a satanás e seus sequazes que nos impede de sermos mais felizes e entusiasmados. Amo-Vos e creio em Vossa santidade e vos peço perdão por todos aqueles que vos resumiram em lendas para destruírem vossa santa imagem. Por Cristo Nosso Senhor, tomai conta de mim e de minha amada família. Amém. (Regina Perina)

Oração III
São Jorge, cavaleiro corajoso, intrépido e vencedor; abre os meus caminhos, ajuda-me a conseguir um bom emprego; faze com que eu seja benquisto por todos; superiores, colegas e subordinados; que a paz, o amor e a harmonia estejam sempre presentes no meu coração, no meu lar e no meu serviço; vela por mim e pelos meus, protegendo-nos sempre, abrindo e iluminando os nossos caminhos, ajudando-nos também a transmitirmos paz, amor e harmonia a todos os que nos cercam. Amém.

Oração IV
Eu andarei vestido e armado com as armas de São Jorge para que meus inimigos, tendo pés não me alcancem, tendo mãos não me peguem, tendo olhos não me vejam, e nem em pensamentos eles possam me fazer mal. Armas de fogo o meu corpo não alcançarão, facas e lanças se quebrem sem o meu corpo tocar, cordas e correntes se arrebentem sem o meu corpo amarrar. Jesus Cristo, me proteja e me defenda com o poder de sua santa e divina graça, Virgem de Nazaré, me cubra com o seu manto sagrado e divino, protegendo-me em todas as minhas dores e aflições, e Deus, com sua divina misericórdia e grande poder, seja meu defensor contra as maldades e perseguições dos meu inimigos. Glorioso São Jorge, em nome de Deus, estenda-me o seu escudo e as suas poderosas armas, defendendo-me com a sua força e com a sua grandeza, e que debaixo das patas de seu fiel ginete meus inimigos fiquem humildes e submissos a vós. Assim seja com o poder de Deus, de Jesus e da falange do Divino Espírito Santo. São Jorge Rogai por Nós.


Oração V
Ó glorioso São Jorge! Tribuno militar e cavaleiro romano, vós tínheis pela frente brilhante carreira; mas a fé vos disse que devíeis lutar por Cristo, e vós protestando contra o edito de perseguição do imperador Diocleciano, trocastes a espada de soldado pela espada da cruz, e declarastes guerra ao paganismo. Tombastes mártir de Cristo, mas vosso martírio foi golpe que transpassou as fauces do dragão. Glorioso São Jorge! O dragão que vós pisastes tenta reerguer-se. O dragão do paganismo moderno arremete com furor contra a humanidade. Imploramos vossa defesa e proteção! Conservai nossa fé. Corrigi aqueles que usam o vosso nome para enganar seu próximo com práticas supersticiosas e contrárias à fé que vós defendestes.

Oração VI
Ó São Jorge, meu Santo Guerreiro, invencível na fé em Deus, que trazeis em vosso rosto a esperança e confiança, abre meus caminhos. Eu andarei vestido e armado com vossas armas para que meus inimigos tendo pés não me alcancem, tendo mãos não peguem, tendo olhos não me enxerguem e nem pensamentos possam ter para me fazerem mal. Armas de fogo o meu corpo não alcançarão, facas e lanças se quebrarão sem ao meu corpo chegar, cordas e correntes se arrebentarão sem o meu corpo amarrar. Glorioso São Jorge, em nome de Deus, estendei vosso escudo e vossas poderosas armas, defendendo-me com vossa força e grandeza. Ajudai-me a superar todo desânimo e a alcançar a graça que vos peço (pedido). Dai-me coragem e esperança, fortalecei minha fé e auxiliai-me nesta necessidade.

Oração VII
Ó São Jorge, meu Santo Guerreiro e protetor, invencível na fé em Deus, que por ele sacrificou-se, traga em vosso rosto a esperança e abri os meus caminhos. Com sua couraça, sua espada e seu escudo, que representam a fé, a esperança e a caridade, eu andarei vestido, para que meus inimigos tendo pés não me alcancem, tendo mãos não me peguem, tendo olhos não me enxerguem e nem pensamentos possam ter, para me fazerem mal. Armas de fogo ao meu corpo não alcançarão, facas e lanças se quebrarão sem ao meu corpo chegar, cordas e correntes se arrebentarão sem o meu corpo tocar. Ó Glorioso nobre cavaleiro da cruz vermelha, vós que com a sua lança em punho derrotaste o dragão do mal, derrote também todos os problemas que por ora estou passando . Ó Glorioso São Jorge, em nome de Deus e de Nosso Senhor Jesus Cristo estendei-me seu escudo e as suas poderosas armas, defendendo-me com a vossa força e grandeza dos meus inimigos carnais e espirituais. Ó Glorioso São Jorge, ajudai-me a superar todo o desânimo e a alcançar a graça que agora vos peço (Faça agora seu pedido justo). Ó Glorioso São Jorge, neste momento tão difícil da minha vida eu te suplico para que o meu pedido seja atendido e que com a sua espada, a sua força e o seu poder de defesa eu possa cortar todo o mal que se encontra em meu caminho. Ó Glorioso São Jorge, dai-me coragem e esperança, fortalecei minha fé, meu ânimo de vida e auxiliai-me em meu pedido. Ó Glorioso São Jorge, traga a paz, amor e a harmonia ao meu coração, ao meu lar e a todos que estão em minha volta. Ó Glorioso São Jorge, pela fé que em vós deposito: guiai-me, defendei-me e protegei-me de todo o mal. Amém.

Oração VIII
São Jorge, queremos recordar-te como recordamos a antiga tradição. Tu abandonaste os êxitos militares e distribuíste teus bens entre os pobres. Tu abandonaste os deuses poderosos do Império Romano para seguir o Messias crucificado. Tu abandonaste a segurança de tua linhagem para unir a comunidade dos cristãos. Tu destes a vida pelo amor a Jesus e ao Evangelho . São Jorge, mártir e companheiro fiel de Jesus. Gostamos de recordar de ti a luz da primavera e da Páscoa; gostamos de recordar o seu poder no combate contra a dor e a escravidão. São Jorge, ajuda aos enamorados do Evangelho e ajuda-nos a viver essa fé que tu tão intensamente viveste e sentiste e nos ajude a fazer o possível para que todo o mundo possa sentir a felicidade da primavera.

Oração IX
Jesus adiante, paz e guia, encomendo-me a Deus e a Virgem Maria, minha mãe, e aos doze apóstolos meus irmãos. Andarei este dia e noite eu e meu corpo cercado e circulado com as armas de São Jorge. O meu corpo não será preso, nem ferido, nem meu sangue derramado; andarei tão livre , como Jesus Cristo nove meses no ventre da Virgem Maria. Amém.

Meus inimigos terão olhos e não me verão, terão boca e não me falarão, terão pés e não me alcançarão, terão mãos e não me ofenderão.

Que a Divina Luz esteja entre nós
Emidio de Ogum
http://espadadeogum.blogspot.com

05 novembro 2013

CONVIDAMOS PARA I SEMINÁRIO RESIGNIFICANDO EXU - FEDERAÇÃO YCARAÍ NO DIA 09 DE NOVEMBRO

Mãe Marcia Pinho de Yemanjá

A Federação Ycaraí e o Grupo Umbandista Cristão Yonuaruê convidam todos a participarem do I SEMINÁRIO DE PERGUNTAS E RESPOSTAS SOBRE A LINHA DA ESQUERDA NA UMBANDA.

Será no dia 09 de Novembro, das 09:00hs às 16:00hs, na sede da Federação Ycaraí/Grupo Umbandista Cristão Yonuaruê - Rua Cel. Fawcett nº 1170/1178 - Vila Moraes - São Paulo - SP

A participação é livre e gratuita.
A apostila com os temas do seminário será vendida à R$ 10,00.

Participe!

Maiores informações através do email heloaquino49@hotmail.com

Oração a Pai Xangó

Juntos Somos Mais Forte!

Alguns textos, poemas e fotos foram retirados de variados
sites, caso alguém reconheça algo como sua criação e não
tenha sido dado os devidos créditos entre em contato.
''A intenção deste blog não é de plágio, mas sim de espalhar conhecimento e manter viva a nossa historia"

Ass: Mariano de Xangó
mariano_xango@yahoo.com

O QUE SÃO OGÃNS?

O QUE SÃO OGÃNS?
Ser Ogam é muito mais do que ser aquela pessoa no fundo do Terreiro, tocando pontos para as entidades, médiuns e assistentes. Ser Ogam é participar de forma efetiva e consciente nos trabalhos. Isso exige conhecimento, humildade, concentração, responsabilidade, mediunidade e amor. O Ogam é o responsável pelo canto, pelo toque, pela sustentação, pela parte física e equilíbrio harmônico dos rituais. Diferente do que muita gente pensa, um Ogam pode incorporar, porém, a sua mediunidade manifesta-se normalmente, de forma diferente do restante do corpo mediúnico. Manifesta, principalmente, através da intuição, das suas mãos, braços e cordas vocais. Os atabaques, quando devidamente consagrados e ativados pelos Ogãns, são verdadeiros instrumentos de auxílio espiritual, pois são capazes de canalizar, concentrar e irradiar energias que tanto podem ser movimentadas pelo próprio Ogam como pelas entidades de trabalho para os mais diversos fins