24 novembro 2016

Seminário de Raça: Igualdade de Direitos e oportunidades em Areia Branca - R/N


Sindicato promoverá seminário sobre igualdade de direitos e oportunidades em Areia Branca - R/N

A Igualdade de Direitos e Oportunidades é o tema principal do Seminário de Raça que será promovido na próxima sexta-feira (25), no plenário da Câmara Municipal de Areia Branca, no horário das 8h às 11h30 e das 14h às 17h.

Organizado pela Secretaria de Raça da Federação dos Trabalhadores em Administração Pública Municipal do Rio Grande do Norte (FETAM-RN), em parceria com o Sindicato dos Servidores Públicos Municipais de Areia Branca (SINSPUMAB), o seminário conta com a cooperação de lideres de religiões afro-brasileiras no município.

Além de discutir assuntos relacionados a luta por direitos e oportunidades que as entidades cotidianamente lutam, a plenária debaterá questões relacionadas ao Dia da Consciência Negra, comemorado no último dia 20 de novembro.

A servidora pública Francineide Pereciliano, secretária de Raça da FETAM-RN destaca a importância da participação da população no seminário: “Por ser de uma temática de grande importância para o dia a dia não só do servidor público mas para a comunidade em geral, é que convidamos toda a população para prestigiar este seminário que aborda questões sobre a luta por direitos na construção de uma sociedade mais justa”, enfatizou.

Nosso cenário já pronto para o encontro
 






Reações:

0 comentários:

Postar um comentário

Oração a Pai Xangó

Juntos Somos Mais Forte!

Alguns textos, poemas e fotos foram retirados de variados
sites, caso alguém reconheça algo como sua criação e não
tenha sido dado os devidos créditos entre em contato.
''A intenção deste blog não é de plágio, mas sim de espalhar conhecimento e manter viva a nossa historia"

Ass: Mariano de Xangó
mariano_xango@yahoo.com

O QUE SÃO OGÃNS?

O QUE SÃO OGÃNS?
Ser Ogam é muito mais do que ser aquela pessoa no fundo do Terreiro, tocando pontos para as entidades, médiuns e assistentes. Ser Ogam é participar de forma efetiva e consciente nos trabalhos. Isso exige conhecimento, humildade, concentração, responsabilidade, mediunidade e amor. O Ogam é o responsável pelo canto, pelo toque, pela sustentação, pela parte física e equilíbrio harmônico dos rituais. Diferente do que muita gente pensa, um Ogam pode incorporar, porém, a sua mediunidade manifesta-se normalmente, de forma diferente do restante do corpo mediúnico. Manifesta, principalmente, através da intuição, das suas mãos, braços e cordas vocais. Os atabaques, quando devidamente consagrados e ativados pelos Ogãns, são verdadeiros instrumentos de auxílio espiritual, pois são capazes de canalizar, concentrar e irradiar energias que tanto podem ser movimentadas pelo próprio Ogam como pelas entidades de trabalho para os mais diversos fins